ISOC 06 Novembro 2019

PROPOSTA DE DESTAQUE À VOTAÇÃO DAS ALTERAÇÕES ESTATUTÁRIAS PROPOSTAS PELA DIRETORIA DA ISOC BRASIL

Este destaque à votação apoia a proposta de alteração da composição da Diretoria, mas não apoia a sugestão de eleições indiretas para a Diretoria, sugerindo manter a redação atual do Artigo 31, parágrafo 3. 

De forma consistente, este destaque propõe uma nova redação para o Artigo 44, estabelecendo disposições para a transição do modelo de Diretoria com 7 membros para o novo modelo com 6 membros.

ARTIGO 31, PARÁGRAFO 3 

REDAÇÃO ATUAL:  Os membros da Diretoria que queiram concorrer às eleições para outro cargo deverão renunciar ao mandato antes de anunciar sua candidatura.

NOVA REDAÇÃO PROPOSTA (pela Diretoria):  Candidaturas à Diretoria não estarão vinculadas a cargos específicos. A distribuição dos cargos entre os seis membros da Diretoria será feita anualmente, na primeira reunião da Diretoria após a posse de novos membros.

Justificativa: 

  1. a) A sugestão poderá ter efeito oposto ao esperado: a partir de novos processos eleitorais, é possível que um diretor que prefira ocupar um cargo determinado seja "encaixado" numa vaga que nenhum dos demais queira (talvez uma para a qual ele não tenha a menor aptidão), a partir da negociação com os demais; 
  1. b) A diretoria da ISOC Brasil é executiva, e não um comitê consultivo. Com isso, considero que a sugestão não atenderá a necessidade atual e urgente do capítulo: de que interessados em trabalhar para a evolução do capítulo se candidatem. A candidatura para a diretoria, de forma genérica, poderá continuar a concentrar as ações no membro da diretoria que estiver disposto a percorrer múltiplas frentes para realizar qualquer tarefa (gestão de projetos, finanças, comunicação, presidência, etc.); 
  1. c) A sugestão poderia fazer sentido se a ISOC Brasil dispusesse de um comitê de nomeação (NomCom), que pudesse indicar candidatos com base tanto nas capacidades pessoais de pré-candidatos como em determinada necessidade de equilibrar o conselho de diretores (por exemplo: falta de um diretor de projetos). A existência de um NomCom pode ser uma proposta para o futuro do capítulo, não considero adequada para o momento atual.

ARTIGO 44. A transição do modelo anterior, com sete membros na Diretoria, para o novo modelo, com seis membros na Diretoria, ocorrerá ao longo de três anos.

44.1. Os seguintes membros atuais da Diretoria manterão seus cargos até o final de seus respectivos mandatos: Presidente e 1 Diretor sem Designação Específica – até fevereiro de 2021; Vice-Presidente e 1 Diretor sem Designação Específica – até fevereiro de 2022.

44.2. Embora três membros da Diretoria encerrem seus mandatos em fevereiro de 2020, apenas dois novos membros serão eleitos nesta oportunidade, reduzindo a Diretoria de sete para seis cargos. A eleição de fevereiro de 2020 elegerá dois novos membros da Diretoria, para os cargos de Diretor Administrativo e Diretor Financeiro.

44.3. A eleição em fevereiro de 2021 elegerá dois novos membros da Diretoria para os cargos de Presidente e Diretor de Comunicação e Eventos.

44.4. A eleição em fevereiro de 2022 elegerá dois novos membros da Diretoria para os cargos de Vice-Presidente e Diretor de Projetos.

 

< Mais notícias

< Home